A Nova Acrópole de Santos, em parceria com a Secretaria de Cultura da Prefeitura de Santos, realizou no dia 29 de agosto, às 9h, a décima primeira ação de conservação dos monumentos da cidade. A ação foi a limpeza dos nichos feitos em granito que se encontram ao longo 402 degraus da escadaria do Monte Serrat e que abrigam imagens em relevo de bronze narrando a via crucis.

O objetivo foi prepará-los para a festa da Padroeira de Santos – Nossa Senhora do Monte Serrat, que ocorre em setembro. É a segunda vez que o projeto ajuda na preparação dos nichos para a festa. Dez voluntários fizeram o trabalho de raspagem para retirada de resíduos de velas e limpeza do bronze. Os 14 nichos seguem o estilo colonial e foram esculpidos em 1939, por Marino Del Fabero, e fundidos no metal por Metelo Benedetti.

O Projeto Clio

Trata-se de um projeto de limpeza dos monumentos de Santos realizado pelos voluntários da Organização Internacional Nova Acrópole – Filosofia, Cultura e Voluntariado. O objetivo do projeto é valorizar e preservar a memória histórica da cidade e do Brasil, representada pelas personagens exaltadas nas obras. É também uma via de expressão dos alunos filósofos e voluntários, que sabem que qualquer pequeno gesto de boa vontade pode tornar o mundo um lugar melhor, e beneficiar inclusive a si mesmo, já que somos parte do mundo.

As ações anteriores foram:
Março 2017 – Estátua de Saturnino de Brito – Jardim da praia, José Menino.
Abril 2017- Busto de Ariosto Guimarães – Centro.
Maio 2017- Estátua de Vicente de Carvalho – Jardim da praia, Boqueirão.
Junho 2017- Monumento de Padre Anchieta – Jardim da praia, Ponta da Praia.
Agosto 2017– Nichos do Monte Serrat, Monte Serrat.
Novembro 2017– monumento aos Imigrantes Japoneses.
Março de 2018 – Leão e “Leoa” da praia do Gonzaga.
Abril de 2018 – Monumento em homenagem ao Padre Champagnat.
Maio 2018 – Busto em homenagem a Mário Covas.
Junho 2018 – Busto em homenagem a Martins Fontes.

 

©2015 Organização Internacional Nova Acrópole - Brasil